quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

Novas entradas

Novas inclusões na biblioteca:
- O decreto 13619 de 1927  que "corrige o ensino primário geral" e estabelece as linhas do estado novo para a educação

- Estado da Educação 2012 - Autonomia e Descentralização, elaborado pelo CNE

- O GOVERNO DAS ESCOLAS DO 1o CICLO DO ENSINO BÁSICO, EM PORTUGAL: LEGISLAÇÃO E VIVÊNCIAS DOS PROFESSORES de Lisete Almeida, Carlinda Leite, e Preciosa Fernandes

Resumo:
Este texto faz uma retrospectiva do quadro legal que instituiu a escolaridade obrigatória em Portugal e dá conta da acção do Estado no governo das escolas públicas que, acompanhando as alterações discursivas, deixaram de ser designadas por escolas primárias para passarem a ser referidas como escolas do ensino básico e a fazerem parte de um agrupamento de escolas. A estes aspectos, associamos vivências e sentimentos expressos por alguns professores relativamente a esta pertença a um agrupamento de escolas.

- A Literatura para a infância em portugal nos sec xix e xx, tese de doutoramento de Carla Alexandra Santo Guerreiro

e ainda:

- Uma leitura de Vygotsky sobre o brincar na aprendizagem e no desenvolvimento infantil

Resumo:
Dentre os vários aspectos ligados à infância, elegemos como objeto desta investigação algumas questões
presentes no ato de brincar da criança, atividade considerada importante para o desenvolvimento infantil,
segundo muitas perspectivas teóricas na Psicologia. Focamos as análises nos conceitos desenvolvidos por Lev S. Vygotsky, percorrendo suas principais contribuições sobre o tema. O presente estudo teve como objetivo analisar a relação do lúdico com o desenvolvimento e a aprendizagem. Tratou-se de pesquisa bibliográfica. Como resultado, foi possível mostrar o quanto o brincar é imprescindível para o desenvolvimento infantil e o quanto fundamenta a aprendizagem por meio de avanços sociais e cognitivos mediados pelo brinquedo.

Sem comentários:

Publicar um comentário